Sexo no confessionário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sexo no confessionário

Mensagem  Rui Aguiar em Dom Jun 15, 2008 1:18 am

Já que associado a fé os católicos fanáticos associam auma canção de mau gosto chamada "Vai levar no cú", achei que esta notícia também liga com a fé de cada um. Este caso, claro, muito mais elaborado...


Bispo perdoa casal que praticou sexo no confessionário

O bispo de Cesena, em Itália, perdoou um casal que foi apanhado a fazer sexo oral no confessionário da catedral da cidade



O casal, que permaneceu no anonimato, foi descoberto durante a missa das 7h do dia 1 de Junho, domingo.



Algumas pessoas que estavam sentadas perto do confessionário ouviram gemidos e decidiram chamar a polícia.



Sem prejudicar a missa, os polícias retiraram o homem e a mulher da igreja, detendo-os por praticar actos obscenos num local público, perturbar uma cerimónia religiosa e praticar actos contrários aos bons costumes.



Segundo as declarações que vários fiéis fizeram aos jornais locais, a missa não foi interrompida porque o padre estava longe do confessionário e não percebeu o que estava a acontecer.



Dizendo-se arrependidos, o casal, na faixa dos 30 anos, solicitou uma audiência com o bispo, Antonio Lanfranchi. O encontro ocorreu na terça-feira.



O perdão não influencia o desenvolvimento do processo contra o casal.



«Os meus clientes pediram desculpa ao bispo e ele perdoou. Segundo o monsenhor Lanfranchi, a melhor maneira de se desculpar é olhar dentro de si, entender onde se errou e aprender para o futuro» , disse o advogado de defesa, Alessandro Sintuzzi, ao jornal Romagna Oggi.



Ainda de acordo com o advogado, o homem é católico e a mulher não professa nenhuma religião.



Chocados com o que aconteceu, os religiosos da cúria consultaram um especialista em direito canónico para saber como «purificar» a igreja, cuja sacralidade foi profanado pelo acto sexual.



Segundo as leis da Igreja Católica, uma ofensa grave pode ser reparada com uma missa especial, que o bispo de Cesena celebrou na semana passada.



«A igreja foi profanada e todos nós, feridos profundamente» , afirmou o bispo durante o sermão.



«O gesto foi fruto de uma mentalidade que se pode tornar cultura, que não aceita regras, onde o bem é fazer o que se quer onde se deseja, livres de imposição e respeito. Isto é progresso ou sintoma de uma cultura em decadência e declínio?» , questionou.



SOL








avatar
Rui Aguiar

Mensagens : 135
Data de inscrição : 04/06/2008
Idade : 73
Localização : Cascais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum