ROUBO DE COBRE

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ROUBO DE COBRE

Mensagem  Admin em Sab Jun 07, 2008 12:09 am

Ladrões de cobre matam vigilante



Nicolau Araújo
da Redação

Vigilante da Cagece é assassinado em ação de ladrões de cobre. Polícia acredita que trabalhador tenha reconhecido um dos assaltantes, que levaram cerca de 200 quilos do produto

31/05/2008 15:39
Policiais do município de Cascavel, a 53 quilômetros de Fortaleza, realizam um cerco no Litoral Leste do Estado à procura de uma quadrilha especializada em furto e roubo de fios de cobre. Segundo a Polícia, o grupo seria responsável pelo assassinato do vigilante de uma subestação da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Francisco Nogueira de Sousa, 58 anos, na última sexta-feira. De acordo ainda com a Polícia, os assaltantes levaram cerca de 200 quilos de cobre, avaliados em quase R$ 3 mil, após retirar o material de transformadores e de cabos.

"O local é de difícil acesso e o vigilante trabalhava desarmado. Os assaltantes poderiam ter dominado o vigilante e efetuado o roubo do material. Mas eles acabaram assassinando o trabalhador a pauladas, que era pai de quatro filhos. Acho que a vítima reconheceu um dos assaltantes. É isso que a gente pensa", diz um policial que integra a equipe que investiga o crime de latrocínio (roubo seguido de morte) e prefere não se identificar.

Segundo a Polícia, as ocorrências de furto e roubo de cobre na região aumentaram bastante nos últimos quatro anos. O período coincide com a alta do preço do produto, que chegou a quase 400%. A Companhia Energética do Ceará (Coelce) reclama um prejuízo em torno de R$ 5 milhões, somente no ano passado, por furtos e roubos de fios de cobre em todo o Estado.

De acordo com a Polícia, o Ceará é o terceiro estado brasileiro em ocorrências de furtos de fios de cobre, atrás somente de São Paulo e do Rio de Janeiro. Os números têm como base os registros de casos da Telemar, da Coelce e da Cagece. De acordo ainda com a Polícia, o esquema do cobre tem início com o cortador de fio, passando depois pelo enrolador, transportador, sucateiro e atravessador. O destino final são algumas metalúrgicas na Região Sudeste.

http://www.opovo.com.br/opovo/fortaleza/793263.html
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/06/2008

Ver perfil do usuário http://vagadeliberdade.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ROUBO DE COBRE

Mensagem  Admin em Sab Jun 07, 2008 12:10 am

Guimarães: 45 mil euros de material eléctrico, sobretudo fios de cobre, roubado de loja em Caldelas


Roubo e sequestro

"Não te mexas. É um assalto". Foram estas as únicas palavras que a proprietária da loja D.G. Comércio de Material Eléctrico, Lda, nas Taipas, Guimarães, ouviu de um dos quatro indivíduos que ontem de manhã a sequestraram para roubar diverso material do interior da sua loja.

Dezenas de fios de cobre, antenas, recuperadores de calor e diverso material eléctricoforamlevados pelosassaltantes, num valor a rondar os 45 mil euros.
Tudo começou cerca das 10h00, poucos minutos depois do marido da vítima ter abandonado o local.
A proprietária da loja estava a varrer o armazém de costas para a porta quando foi surpreendida por um indivíduo encapuzado e com luvas. Nem terá percebido que alguém tinha entrado na loja. Já ameaçada com uma arma encostada à cabeça, a mulher esteve ao longo de uma hora encostada à parede, de joelhos, enquanto os restantes três indivíduos do grupo carregavam material para uma viatura estacionada no exterior, na rua Comandante Carvalho Crato.
Os indivíduos abandonaram a loja uma hora depois de ter começado o assalto. "Os três que carregaram o material saíram a correr, antes que chegasse o autocarro das 11h00. O outro ficou no interior e só saiu depois dos passageiros teremabandonadoa paragem", disse fonte policial.
A proprietária da loja estava em pânico, mas conseguiu arrastar-se para o exterior para pedir ajuda a uma vizinha.
No local esteve a GNR e a PJ de Braga, encarregue do caso.
A vítima estava ontem muito abalada e sob efeito de calmantes.
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/06/2008

Ver perfil do usuário http://vagadeliberdade.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ROUBO DE COBRE

Mensagem  Rui Aguiar em Sab Jun 07, 2008 12:32 am

Admin escreveu:Ladrões de cobre matam vigilante

Policiais do município de Cascavel

Agora percebo porque cascavel pretende esconder-se por estes lados...
avatar
Rui Aguiar

Mensagens : 135
Data de inscrição : 04/06/2008
Idade : 74
Localização : Cascais

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ROUBO DE COBRE

Mensagem  Admin em Qua Jun 11, 2008 10:35 am

Roubava cobre e sofreu descarga de 15 mil volts


ROBERTO DORES, Setúbal
Palmela. Acidente na segunda-feira à noite causou um ferido grave com 80% do corpo queimado, devido a uma descarga de 15 mil volts. GNR desconfia que o jovem estava a furtar cobre de um posto de de transformação de energia. Casos semelhantes têm acontecido um pouco por todo o País

Jovem estaria a furtar cobre de posto de energia

Um jovem de 21 anos ficou com 80% do corpo queimado na sequência de uma descarga eléctrica de 15 mil volts disparada quando, alegadamente, estaria a tentar desmontar um posto de transformação de energia numa fábrica de água desactivada há vários anos, no Poceirão, Palmela.

O acidente aconteceu na noite de segunda-feira e as autoridades admitem que o objectivo de Carlos Almeida seria furtar os cabos eléctricos, para vender o cobre. O jovem estava acompanhado por mais dois ou três colegas, que a GNR, responsável pelo inquérito, está a tentar identificar.

Quando por volta das 21.45 de segunda-feira cerca de metade das casas da freguesia do Poceirão ficaram às escuras, ninguém imaginava a razão de tão súbito corte de energia, que ainda durou alguns minutos.

Só ontem, por volta da hora de almoço, a notícia corria entre as povoações de Asseiceira, Lagoa do Calvo e Forninho: alguns jovens da terra tinham provocado estragos num dos Postos de Transformação (PT) de energia da região. "Como estão ligados em rede, basta um deles ter problemas, que afecta logo os outros", explicou ao DN uma fonte da EDP.

O que os populares ainda desconheciam foi o elevado preço que Carlos Almeida pagou por ter participado numa operação de alto risco, no posto localizado nos terrenos da antiga fábrica de água, que estavam devidamente vedados. O jovem acabou por ser electrocutado com um cabo de média tensão, segundo o comandante dos bombeiros de Águas de Moura, Rui Laranjeira. Foi para o quartel daquela corporação que o pai de Carlos Almeida levou o filho "em estado muito grave", segundo a médica do INEM que acorreu ao local. A corrente eléctrica fez aumentar significativamente a temperatura corporal. "É como se a carne cozesse por dentro", relatou Laranjeira.

Carlos Almeida viria a ser transferido de helicóptero para o Hospital de São José, em Lisboa, onde ainda se encontrava ontem à tarde. Segundo o DN apurou, o pai da vítima foi alertado para o acidente do filho pelos próprios colegas que o acompanhavam no momento em ele que foi atingido pela violenta descarga.

Carlos Almeida terá perdido os sentidos ficando deitado no local, antes de o progenitor o ter conduzido ao quartel dos bombeiros. O pai não disse o que o filho estava a fazer e, ao princípio, nem revelou onde tinha acontecido o acidente.

O homem só viria a contar a verdade quando os bombeiros o alertaram que, para uma melhor prestação de socorro, precisavam de todas as informações. O progenitor da vítima, que se sentiu mal, foi conduzido ao Hospital de Setúbal.
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/06/2008

Ver perfil do usuário http://vagadeliberdade.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Roubava cobre e sofreu descarga de 15 mil volts

Mensagem  Admin em Qua Jun 11, 2008 10:38 am

Roubava cobre e sofreu descarga de 15 mil volts


ROBERTO DORES, Setúbal
Palmela. Acidente na segunda-feira à noite causou um ferido grave com 80% do corpo queimado, devido a uma descarga de 15 mil volts. GNR desconfia que o jovem estava a furtar cobre de um posto de de transformação de energia. Casos semelhantes têm acontecido um pouco por todo o País

Jovem estaria a furtar cobre de posto de energia

Um jovem de 21 anos ficou com 80% do corpo queimado na sequência de uma descarga eléctrica de 15 mil volts disparada quando, alegadamente, estaria a tentar desmontar um posto de transformação de energia numa fábrica de água desactivada há vários anos, no Poceirão, Palmela.

O acidente aconteceu na noite de segunda-feira e as autoridades admitem que o objectivo de Carlos Almeida seria furtar os cabos eléctricos, para vender o cobre. O jovem estava acompanhado por mais dois ou três colegas, que a GNR, responsável pelo inquérito, está a tentar identificar.

Quando por volta das 21.45 de segunda-feira cerca de metade das casas da freguesia do Poceirão ficaram às escuras, ninguém imaginava a razão de tão súbito corte de energia, que ainda durou alguns minutos.

Só ontem, por volta da hora de almoço, a notícia corria entre as povoações de Asseiceira, Lagoa do Calvo e Forninho: alguns jovens da terra tinham provocado estragos num dos Postos de Transformação (PT) de energia da região. "Como estão ligados em rede, basta um deles ter problemas, que afecta logo os outros", explicou ao DN uma fonte da EDP.

O que os populares ainda desconheciam foi o elevado preço que Carlos Almeida pagou por ter participado numa operação de alto risco, no posto localizado nos terrenos da antiga fábrica de água, que estavam devidamente vedados. O jovem acabou por ser electrocutado com um cabo de média tensão, segundo o comandante dos bombeiros de Águas de Moura, Rui Laranjeira. Foi para o quartel daquela corporação que o pai de Carlos Almeida levou o filho "em estado muito grave", segundo a médica do INEM que acorreu ao local. A corrente eléctrica fez aumentar significativamente a temperatura corporal. "É como se a carne cozesse por dentro", relatou Laranjeira.

Carlos Almeida viria a ser transferido de helicóptero para o Hospital de São José, em Lisboa, onde ainda se encontrava ontem à tarde. Segundo o DN apurou, o pai da vítima foi alertado para o acidente do filho pelos próprios colegas que o acompanhavam no momento em ele que foi atingido pela violenta descarga.

Carlos Almeida terá perdido os sentidos ficando deitado no local, antes de o progenitor o ter conduzido ao quartel dos bombeiros. O pai não disse o que o filho estava a fazer e, ao princípio, nem revelou onde tinha acontecido o acidente.

O homem só viria a contar a verdade quando os bombeiros o alertaram que, para uma melhor prestação de socorro, precisavam de todas as informações. O progenitor da vítima, que se sentiu mal, foi conduzido ao Hospital de Setúbal.

http://dn.sapo.pt/2008/06/11/cidades/roubava_cobre_e_sofreu_descarga_15_v.html
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/06/2008

Ver perfil do usuário http://vagadeliberdade.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ROUBO DE COBRE

Mensagem  Admin em Qua Jun 11, 2008 11:03 am

avatar
Admin
Admin

Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/06/2008

Ver perfil do usuário http://vagadeliberdade.forumotion.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ROUBO DE COBRE

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum